Rio Branco, Acre,





Em viagem ao Peru, comitiva acreana se reúne com embaixadores e parlamentares peruanos sobre o tratado bilateral entre os dois países


Após essa reunião, o senador Marcio Bittar compôs a mesa em uma sessão com parlamentares da Comissão de Relações Exteriores peruana

ASCOM MÁRCIO BITTAR

Nesta segunda feira (10 de junho), em Lima, Peru, um grupo de parlamentares da região norte brasileira encontrou-se com parlamentares e embaixadores peruanos para discutir um possível acordo bilateral entre os dois países. Uma possível parceria poderá trazer mais comércio entre os países, com uma logística facilitada e um melhor controle das fronteiras.

Senadores Marcio Bittar e Petecão e o governador do Acre Gladson Cameli durante conversa com parlamentares peruanos/Foto: ascom

Participaram da comitiva brasileira os senadores Marcio Bittar e Sérgio Petecão, o deputado Manoel Marcos e o governador Gladson Cameli do Acre, o governador Marcos Rocha, de Rondônia, e o deputado Capitão Alberto do Amazonas.

As reuniões ocorreram no Congresso peruano e começaram com uma recepção protocolar realizada pela primeira vice-presidente do congresso, Chihuán Ramos Leyla Felícita.

“Agradecemos muito a visita, Brasil e Peru são países irmãos, que durante muito tempo estiveram afastados, mas é chegada a hora de trabalhar para que essa relação volte a se estreitar. Os dois governos vão trabalhar pra isso.” disse Felícita.

Reunião visa discutir acordos bilaterais entre Brasil e Peru/Foto: ascom

Após a recepção, houve uma reunião com o presidente do grupo parlamentar Brasil-Peru, Juan Carlos Eguren, que elogiou tanto o embaixador brasileiro em Lima quando o embaixador peruano em Brasília.

O senador Marcio Bittar expôs a necessidade e a vontade que os parlamentares têm de estreitar ainda mais os laços entre os dois países.

“É preciso fazer a integração entre os países via estrada que liga Cruzeiro do Sul a Pucallpa, pois faltam ainda 180km a ser construído. Também poderemos utilizar a rodovia interoceânica que já existe e há ainda a importância da eliminação das barreiras alfandegárias e fitossanitárias que ainda existem e atrapalham o comércio bilateral.” Disse Bittar.

Após essa reunião, o senador Marcio Bittar compôs a mesa em uma sessão com parlamentares da Comissão de Relações Exteriores peruana, que contou com seu presidente Luis Galarreta, onde trocaram impressões com congressistas de todo o Peru, principalmente os da região amazônica.

A agenda terminou na reunião com o Chanceler peruano, Embaixador Néstor Popolizio e os governadores dos departamentos peruanos de Madre de Dios e Ucayali, Luis Guillermo Hidalgo Okimura e Francisco Antonio Pezo Torres, respectivamente. O embaixador brasileiro em Lima, Rodrigo de Lima Baena Soares , também esteve presente.

Nessa reunião também foram discutidas as relações bilaterais e a visita do presidente peruano que encontrará o presidente brasileiro em Rio Branco, no Acre, possivelmente em novembro deste ano. Outro problema a ser superado envolve o combate à corrupção, visto que ambos os países sofreram recentemente com as investigações da Lava-jato.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também