Rio Branco, Acre,





Vereador diz que enquanto governo aumenta cargos, 50% da população do Acre vive na pobreza


O parlamentar destacou que o povo não precisa de cargos, mais sim, de investimentos na saúde, segurança e educação

SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

O vereador Emerson Jarude (Sem Partido) usou a tribuna da Câmara Municipal de Rio Branco na manhã desta quarta-feira (22) para fazer duras críticas com relação a criação de cargos comissionados no reajuste da Reforma Administrativa aprovada na terça-feira (21) pelos deputados estaduais. Para o vereador,  enquanto se aumenta de 900 para 1.350 cargos, cerca de metade da população acreana vive em situação de pobreza.

Emerson Jarude fez duras críticas na Câmara/Foto: Ascom

“Um fato que tem me preocupado, é com relação aos gastos públicos. O governo que prometia diminuir a maquina publica, aumentou de 900 para 1.350 caragos para acomodar aliados”, declarou.

O parlamentar destacou que o povo não precisa de cargos, mais sim, de investimentos na saúde, segurança e educação. Jarude apresentou dados alarmantes na tribuna, segundo ele, metade do povo está na pobreza. “O Acre tem 50% da população vivendo na pobreza, são cerca de 400 mil pessoas. Já 20%, encontra-se na extrema pobreza, são mais de 160 mil pessoas. E enquanto isso, o governo aumenta os gastos públicos”, salientou pedindo das autoridades públicas que possam ter mais compromisso com o “erário público”.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também