Rio Branco, Acre,





Líder do governo prevê vitória da reforma administrativa com 22 dos 24 votos da Assembleia


Sessão foi suspensa para uma reunião fechada e os deputados começam a retornar ao plenário para a votação ainda na tarde desta terça

TIÃO MAIA, DO CONTILNET

“Vamos ganhar de goleada. Um placar de 22 a zero”, disse, na tarde desta terça-feira (21), o líder do Governo, deputado Luis Tchê (PDT), sobre a proposta de reforma administrativa, que está tramitando na Casa e que deve ser votada ainda hoje. A sessão foi suspensa para que os deputados se reunissem à portas fechadas. No final da reunião, Luis Tchê saiu com a informação apontando para a vitória do governo. Dos 24 deputados, o presidente Nicolau Júnior (Progressistas), só vota se houver empate. Todos os deputados estão presentes na Assembleia.

Tchê é líder do governo na Aleac/Foto: ContilNet

De acordo com Luis Tchê, uma das decisões da reunião reservada, na sala das comissões, foi a derrota de uma emenda de autoria do deputado Roberto Duarte (MDB), que se apresenta como independente em relação à oposição e à bancada governista e que apresentou a proposta de que novos cargos não fossem criados. Com isto, caso a emenda fosse mantida e aprovada, a reforma administrativa do governador Gladson Cameli se limitaria aos 900 cargos aprovados por lei em dezembro de 2018.

“A emenda caiu porque não somos nós, deputados, que devemos dizer de que tamanho deve ser o Estado. O deputado vai votar conosco”, afirmou Luis Tchê, ao anunciar uma vitória maiúscula da base governista. Os deputados começaram a retornar ao plenário.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também