Rio Branco, Acre,





Ilderlei Cordeiro negocia implantação de Colégio Militar em Cruzeiro do Sul


A reunião contou com a participação do secretário Municipal de Educação, Amarízio Saraiva

ASCOM

O prefeito Ilderlei Cordeiro planeja criar a primeira Escola Militar Municipal do Estado. No Acre já existem três unidades estaduais, sendo duas em Rio Branco e uma em Cruzeiro do Sul.

Segundo o prefeito, a ideia é que a partir do ano que vem a instituição comece a ser estruturada. “A nossa equipe já está em negociação com o Corpo de Bombeiros. A ideia é que possamos implantar duas ou mais escolas, começando os trabalhos a partir do ano que vem”, frisou Ilderlei.

Após tratativas com o Ministério da Educação (MEC), a prefeitura buscou parceria com o Corpo de Bombeiros do Acre e a Polícia Militar. A primeira reunião para iniciar o cronograma de implantação da escola foi realizada no início da semana.

Segundo o prefeito, a ideia é que a partir do ano que vem a instituição comece a ser estruturada/Foto: Ascom

O comandante do Corpo de Bombeiros, o coronel Carlos Batista, destacou o interesse do governo do Estado em apoiar a iniciativa, que trará benefícios tanto para os alunos quanto para a sociedade cruzeirense.

“O formato da escola cívico militar é compartilhado. Todo o ensino pedagógico é com a Secretaria de Educação, já os militares do colégio levam um pouco da hierarquia, civismo, para que os alunos sejam cidadãos melhores. O governador Gladson Cameli quer montar essas escolas militares e o Corpo de Bombeiros está dando condições para que isso aconteça”, frisou o comandante, acrescentando que os militares da reserva devem ser convocados para participar da equipe de gestão escolar.

A reunião contou com a participação do secretário Municipal de Educação, Amarízio Saraiva.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também