Rio Branco, Acre,





Acusado de executar motorista de uber encontrado carbonizado é preso no Acre


Na época, Sávio Jó da Silva Lima, havia sido identificado e estava foragido

REDAÇÃO CONTILNET

Um dos suspeitos de matar o motorista de Uber, Arthur da Silva Melo, de 26 anos, em abril de 2018, na Estrada do Quixadá, foi preso. O corpo do motorista foi encontrado carbonizado, dentro do carro que usava para trabalhar.

Corpo foi encontrado na madrugada/Foto: Reprodução

Na época, Sávio Jó da Silva Lima, havia sido identificado e estava foragido. Ele foi preso quando tentava sair de Rio Branco com droga.

O proprietário do carro está registrado como Arthur da Silva Melo, de 26 anos/Foto: Reprodução

Segundo a polícia, Sávio foi quem executou Arthur com um tiro na cabeça ainda na casa do motorista pois o criminoso acreditava que a vítima estava levando informações para uma facção rival da qual ele pertencia, contou com a ajuda do irmão e da namorada no crime, houve ainda a participação de um terceiro, que dirigiu o carro até a Estrada do Quixadá onde foi encontrado carbonizado.

SAIBA MAIS: 

Moradores encontram corpo carbonizado dentro de veículo na Estrada do Quixadá

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também