Rio Branco, Acre,





Acreana formada aos 70 anos conquista a imprensa nacional e o coração dos internautas


Formada na Universidade Federal do Acre, Ivete de Souza se encantou pelo teatro em 1987

TON LINDOSO, DO CONTILNET

“Filha de seringueiro, dona Ivete Souza, de 70 anos, se formou em Artes Cênicas na Universidade Federal do Acre (UFAC) na quarta-feira da semana passada”. A frase é anunciado de uma reportagem de um dos mais importantes veículos brasileiros, O Dia. O site fez uma reportagem especial para os brasileiros conhecerem a mulher que viralizou por todo o Brasil nas redes, ao formar-se com 70 anos.

Ela, que começou a trabalhar aos seis anos, decidiu fazer o vestibular do Enem em 2013, incentivada por uma amiga, quando estava prestes a completar 65 anos. “Eu falei que já estava muito velha, mas minha amiga da igreja insistiu e resolvi fazer”, conta.

Ivete de Souza de formou em Artes Cênicas na Universidade Federal do Acre aos 70 anos – Arquivo Pessoal/Reprodução

Dona Ivete nasceu na área rural de Xapuri, no Acre, onde trabalhava no seringal ajudando o pai junto com os sete irmãos. Aos 15 anos, decidiu se mudar para a cidade, no mesmo município, para estudar. Ela trabalhou como empregada doméstica e terminou o Ensino Fundamental. Com a família para a qual trabalhava, mudou-se para Rio Branco e interrompeu os estudos, que completaria aos 50 anos.

O site conta toda sua história e entrevista Ivete. Para acessar, CLIQUE AQUI.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também