Rio Branco, Acre,





Programa nacional solicita cadastro de produtores rurais para auxiliar desenvolvimento das atividades no Acre


A etapa de busca ativa é o início do “Programa CNA de Alimentos Artesanais e Tradicionais do Brasil”,

ASCOM

Com o objetivo de estimular a diversificação e agregação de valor aos produtos elaborados pelos pequenos e médios produtores rurais, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) promovem o cadastro de produtores rurais de alimentos artesanais e/ou tradicionais em todos os estados do Brasil.

A etapa de busca ativa é o início do “Programa CNA de Alimentos Artesanais e Tradicionais do Brasil”, e o cadastro deve ser concluído até o dia 30 de abril. Durante esta etapa, o Senar – Acre construirá um banco de dados para saber quem são os produtores e quais as suas necessidades.

Ilcilene Malini, gerente técnica do Senar – Acre, destacou que o programa surgiu após a constatação das dificuldades apresentadas pelos produtores com relação à produção e processamentos dos produtos artesanais e/tradicionais.

“O programa foi desenvolvido a partir de uma pesquisa encomendada pela CNA, Senar e Instituto CNA. Nessa pesquisa, foi possível visualizar que 56% possuem dificuldade em atender as exigências legais de processamento dos alimentos, 25% tem dificuldade em obter lucro, e 19% possuem dificuldade em receber assistência técnica. Então, foram organizados eixos para ajudar a corrigir esses problemas”, destacou Ilcilene.

Os principais exemplos de produtos tradicionais e artesanais que podem ser cadastrados incluem mel, cachaça, queijo, embutido, geleia, doce de leite, cocada, carnes e outros.

“Enfatizamos que é importante o cadastro dos produtores rurais do Acre, pois através dessa busca estaremos mapeando – no Estado e no país – uma forma de auxiliar ainda mais os produtores a se qualificar e gerar lucro”, afirmou a gerente técnica do Senar – Acre.

Para se cadastrar, basta acessar o site www.faeac.org.br, onde o link para acesso ao site nacional já está disponível.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também