Rio Branco, Acre,





Em apoio à aprovação da CPI, populares pedem que deputados contrários paguem as faturas de energia


A representante da Central de Movimentos Populares do Acre (CMP), Raimunda Antunes, declarou apoio aos parlamentares que apoiaram a CPI

SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

Diversas lideranças de movimentos sociais gritaram “Queremos CPI” durante sessão na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) nesta terça-feira (16), em apoio à aprovação da CPI da Energia Elétrica.

lideranças de movimentos sociais participam de sessão da Aleac prestando apoio quanto a CPI da Energisa/Foto: ContilNet

De acordo com Armelindo Sorriso, do Movimento Nacional da População em Situação de Rua no Acre, o apoio se faz necessário devido aos altos valores cobrados pela empresa distribuidora de energia no Acre.

“Queremos a redução da luz, saber como foi feito o contrato e também com está o andamento das coisas”, destacou Sorriso.

Na oportunidade, ele sugeriu aos parlamentares que não assinaram o requerimento, que paguem a conta de luz dos moradores.

A representante da Central de Movimentos Populares do Acre (CMP), Raimunda Antunes, declarou apoio aos parlamentares que optaram pela aprovação da CPI. “Esses sim nos representam. Aqueles que não votaram, infelizmente, não nos representam”, finalizou.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também