Rio Branco, Acre,





Advogado que declarou ser do Comando Vermelho é preso ao ameaçar ex-namorada em delegacia


De acordo com o delegado responsável, o casal está separado há alguns meses e a mulher foi até à delegacia para solicitar medidas protetivas de urgência

ASCOM

O advogado Manoel Elivaldo Batista de Lima Júnior, 27 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (22) nas dependências da Delegacia de Atendimento à Mulher de Rio Branco. Enquanto a ex-namorada registrava uma ocorrência policial contra o autor, este chegou ao local na tentativa de intimidá-la e coagi-la a não efetuar o procedimento.

De acordo com o delegado responsável, o casal está separado há alguns meses e a mulher foi até à delegacia para solicitar medidas protetivas de urgência. “Enquanto atendíamos a vítima, tomamos conhecimento de que o autor estava aqui a procura dela, por isso, demos voz de prisão e o flagranteamos por ameaça, injúria e perturbação da tranquilidade”, destaca Thiago Fernandes.

O advogado foi preso pela primeira vez em novembro de 2017/Foto: Reprodução

O advogado está em monitoramento eletrônico por ter sido condenado pelos crimes de organização criminosa e posse ilegal de arma de fogo, com pena de sete anos e dois meses de prisão, em regime de semiliberdade.

Na manhã desta terça-feira (23), Júnior segue para audiência de custódia, permanecendo assim à disposição da justiça e então decisão sobre manutenção da prisão ou alvará de soltura.

LEIA MAIS: 

“Sou bandido mesmo; trabalho para o Comando Vermelho”, diz advogado em vídeo

OAB Acre suspende preventivamente advogado que ostentou armas na Internet

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também