Rio Branco, Acre,





Galvez abre as portas para garotos de 11 anos se tornarem atletas da base do Imperador


A expectativa é de receber em média 100 garotos para a peneira, onde serão selecionados 30 jovens que irão se tornar jogadores da base o Imperador sub-11.

MARCELO TORRES, ASCOM

Todo jovem tem o sonho de ser jogador de futebol, e um dos caminhos é a famosa “peneira”, onde os propícios atletas passam por testes acompanhados por professores que avaliam se o jovem está apto a se tornar um jogador da base do Imperador. Na próxima sexta-feira, 15, será realizado um teste com crianças nascidas em 2008 a 2009, a partir das 13h no campo do Sesc/ Bosque, em Rio Branco.

/Foto: Arquivo/ Galvez

A expectativa é de receber em média 100 garotos para a peneira, onde serão selecionados 30 jovens que irão se tornar jogadores da base o Imperador sub-11, realizando treinamentos semanais para o desenvolvimento futebolístico dos atletas. Essa sexta será o ponta pé inicial, pois a partir de então todas as sextas ocorrerá peneiras nas demais categorias.

“Uma das prioridades do Galvez Esporte Clube, além de fomentar o futebol no Acre é ser clube formador de atletas, ou seja, é cada vez mais precoce o inicio da carreira de um jogador de futebol e proporcionar oportunidades como essa, porém com trabalho sério e dedicado resgatando as peneiras no Estado”, declarou o dirigente do Galvez, Edener Franco.

O Professor Marcos Aurélio, que irá comandar os garotos do sub-11, auxiliado pelo professor Oziel Moreira, comenta que a base não é uma escolinha de futebol e a avaliação é para verificar se o garoto tem possui alguma habilidade para mostrar.

/Foto: Arquivo/ Galvez

“Durante o teste, eu e Oziel iremos verificar aquele garoto que apresentará o melhor futebol, seja na marcação, dribles, passes, cabeceio, entre outros atributos que o futebol exige”, explicou Marcos Aurélio, que já trabalha há mais de dois anos nas categorias de base do Imperador.

Disputas em 2019

O professor Oziel Moreira, que trabalha com os garotos da base do Imperador, desde 2015, já acumula vários títulos, sendo três títulos no sub-15 e sub-17, um título no sub-11, sub-13 e sub-20. “Em 2019 iremos disputar o Campeonato Acreano de cada categoria, Campeonato do Recriança e Acre e Rondônia”, declarou Oziel Moreira.

Entenda como funciona as categorias de base

O trabalho de formação de um atleta de alto rendimento começa muito cedo, quando o jovem começa no sub-11, tem pela frente um longo caminho a percorrer até chegar ao sub-17. Findada essa categoria, passa da fase de aprendizado e aperfeiçoamento para a fase de utilização, ou seja, o profissional.

Durante sua fase de aprendizado, é importante que ele trabalhe todos os fundamentos do futebol, para que mais tarde não precise de trabalho individual para corrigir uma falha técnica que deveria ser trabalhada no momento certo em um processo de forma mais natural.

A importância dos preparadores da base é justamente no aspecto técnico, que propicia ao atleta seu desenvolvimento natural, o qual, nessa fase, acontece sem a pressão dos grandes momentos que por certo virão mais tarde.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também