Rio Branco, Acre,





MDB reafirma apoio ao governador Gladson Cameli e declara: Mazinho agiu sozinho


“Trabalhamos muito para eleger o governador Gladson", afirmou Sinhasique, membro da Executiva Estadual do MDB

LAMLID NOBRE, DO CONTILNET

Em nota, o partido do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) tornou público seu posicionamento em relação ao governo de Gladson Cameli (Progressistas) devido ao fato de o prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim, filiado à sigla, ter declarado à imprensa nesta quinta-feira (11) que será oposição ao governo e anunciado seu rompimento político com o governador.

A executiva estadual se reuniu nesta sexta-feira (11),  com as presenças de dirigentes entre os quais o presidente do partido, deputado Flaviano Melo, a ex-deputada Eliane Sinhasique, entre outros e ao final da manhã concluíram que mantém “apoio incondicional ao governador Gladson Cameli, cujo governo ajudou a construir e onde tem efetiva participação. As declarações tornadas públicas pelo prefeito Mazinho Serafim não tem o aval do partido e, portanto,  refletem apenas seus posicionamentos individuais.”, publicaram em nota.

Membro da Executiva Estadual do MDB, a ex-deputada Eliane Sinhasique, que no governo de Gladson Cameli é secretária de estado de empreendedorismo e turismo, acrescentou que o prefeito Mazinho agiu sozinho e que o partido não foi consultado. “Trabalhamos muito para eleger o governador Gladson, fazemos parte desse governo e vamos continuar trabalhando para que dê certo, para que todas as metas e diretrizes do plano de governo sejam executadas a contento.”, reafirmou Sinhasique.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também