Rio Branco, Acre,





Nicolau Júnior diz que, se for presidente, pretende reduzir o número de cargos na Aleac


O progressista disse ainda que ver com muita satisfação as mudanças que o governo de Gladson Cameli promete fazer no Acre

SAIMON MARTIS, DE CONTILNET

O deputado Nicolau Júnior (Progressistas), que vem se articulando para assumir a presidência da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), a partir de 1º de fevereiro do próximo ano, disse ao ContilNet, que um dos seus principais objetivos será fazer cortes nos gastos da instituição.

Nicolau lembra que, em um momento onde o Estado encontra-se em dificuldades financeiras, não ficaria bem aumentar ou manter determinados cargos na Aleac.

Sobre notícias veiculadas por setores da imprensa de que teria feito um acordo com o atual presidente da Aleac, Ney Amorim, para que ele indicasse 50% dos cargos da Casa, Nicolau se disse surpreso e lembra que Amorim estará deixando o mandado de deputado e o cargo de presidente no dia 30 de janeiro, e que nem mesmo poderá votar na eleição da Mesa Diretora, que acontecerá dia 1º de fevereiro de 2019, quando os parlamentares da nova legislatura irão assumir seus mandatos.

Nicolau Junior: “Objetivo é reduzir despesas na Aleac”

“Esse é um novo momento para a Assembleia Legislativa. A instituição terá uma nova Mesa Diretora. Se eu for presidente da Aleac, irei fazer um enxugamento na máquina e tratar todos os deputados da forma mais democrática possível. A oposição teve espaço na gestão do deputado Ney Amorim. O Chagas Romão e eu fazemos parte da Mesa Diretora. Agradeço tudo o que o deputado Ney fez por mim e por todos os parlamentares, mas agora é um momento novo, será uma mesa nova. Estou surpreso com essa notícia de que tratei de cargos. O Ney nunca me pediu nada, e eu nunca ofereci nada a ele”, disse o parlamentar.

O progressista disse ainda que vê com muita satisfação as mudanças que o governo de Gladson Cameli promete fazer no Acre. “Ele começou muito bem, anunciando que irá reduzir o número de cargos comissionados no Estado. Tenho certeza que essas medidas que ele [Gladson] vem anunciando tem o apoio da classe política e também da população”, disse Júnior.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários






Outras Notícias

Veja Também