promocao-restaurante-a-princesinha

Centenas de fotos íntimas de mulheres de Cruzeiro do Sul caem no WhatsApp; polícia investiga

De acordo com a polícia, os principais suspeitos seriam ex-namorados das vítimas.

net-cruzeiro

A divulgação de centenas de fotos de adolescentes e mulheres nuas, em Cruzeiro do Sul, tem gerado uma série de consequências para as vítimas, como constrangimento, revolta e, até, abandono de emprego.

As fotos foram divulgadas através do aplicativo WhatsApp, na internet.

De acordo com a polícia, os principais suspeitos seriam ex-namorados das vítimas. Quatro pessoas já teriam procurado a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) para registrar queixa, segundo informações.

"Os suspeitos provavelmente receberam essas fotos de suas namoradas e com término do relacionamento postaram as imagens dessas meninas nuas no aplicativo WhatsApp, que se espalharam rapidamente nas redes sociais”, afirma a delegada Carla Ivane Brito.

O crime, tipificado como cibernético, fere o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), e o responsável pode ser condenado a seis anos de reclusão por transmitir material contendo cenas de sexo explicito ou material pornográfico de crianças e pena de quatro anos por armazenar o material.

“A internet está deixando vários jovens dependentes, e acaba se tornando um risco para as pessoas. Muitos jovens estão usando internet de forma errada, e em alguns casos, eles acabam violando a própria intimidade”, reflete a mãe de uma das vítimas.

Com informações do Juruá Online

imagens-net

COMENTÁRIOS

A Agência de Notícias ContilNet informa aos seus leitores que não se responsabiliza pelas consequências jurídicas sobre as opiniões divulgadas nos campos de comentários, e que as postagens de conteúdo ofensivos serão excluídos do portal.

produtos recomendados para você

Últimas do portal