ContilNet Notícias
Cliente Provedor ContilNet em Sena Madureira
acesse seu boleto no endereço: http://sena.contilnet.com.br:1881/?console=panel
Sena Madureira
30/03/2011 22:08 - Atualizado em 30/03/2011 22:09
Comoção no sepultamento de funcionário da Secretaria da Fazenda
Ozéias Moreira era um homem tranqüilo e muito querido em Sena Madureira, onde a comoção tomou conta da família e de amigos que o conheciam desde a infância.
Wânia Pinheiro, da Agência ContilNet

O cortejo foi acopanhado por amigos e familiares de Ozéias e pelo frei José Rosa Alves/Fotos: Wania Pinheiro
O cortejo foi acopanhado por amigos e familiares de Ozéias e pelo frei José Rosa Alves/Fotos: Wania Pinheiro

Um homem tranqüilo, estudioso e dedicado à família. Assim era o funcionário público de carreira da Secretaria Estadual da Fazenda Ozéias Moreira da Costa, 37 anos, que morreu na tarde do último domingo, vítima de acidente automobilístico na BR-364.


No município de Sena Madureira, onde Ozéias foi morar com a família na década de 80, a comoção tomou conta de centenas de pessoas que acompanharam o sepultamento, ocorrido na tarde desta terça-feira (29) no cemitério Bráulio Rocha.


Ninguém consegue entender os motivos que levaram o dedicado pai de família a colidir com duas motocicletas e sair em disparada sem prestar socorro às vítimas. “Ele já havia se envolvido em um acidente antes, como muitas pessoas que dirigem, mas prestou total socorro”, conta a tenente da Polícia Militar Marilena Chaves, irmã de Ozéias.


E não é só a irmã que defende Ozéias. Amigos de infância, como o diretor do Núcleo da Secretaria de Estado de Educação, Marcos Sampaio, e o funcionário público Gival Gouveia Diniz, confirmam a serenidade do homem que se formou em letras pela Universidade Federal do Acre e conseguiu aprovação em dois concursos públicos.


A viúva de Ozéias é amparada pelo filho durante sepultamento
A viúva de Ozéias é amparada pelo filho durante sepultamento
Familiares choram durante o sepultamento de Ozéias Moreira
Familiares choram durante o sepultamento de Ozéias Moreira

Ozéias Moreira nasceu no dia 16 de dezembro de 1979, no interior do município de Feijó. Ele era o mais novo dos homens de uma família de nove irmãos: Francisca, Raimunda, Manoel, Maria, Abdias, Davy, Maristela, Ozéias e Marilena. Seus pais, Maria Moreira da Costa e Cícero Andrade da Costa, já falecido, decidiram morar em Sena Madureira quando o filho tinha cinco anos de idade.


“Nossos pais achavam que em Sena nós teríamos uma vida melhor, já que naquela época já era uma cidade bem desenvolvida.”, comenta Marilena Chaves, que ainda lembra: “Nossa família nunca foi de renome na sociedade, mas todos nós conseguimos superar as adversidades e nos tornar pessoas respeitadas e amadas no lugar em que escolhemos para viver e construir as nossas famílias”.


Ozéias Junior estava com o pai no dia do acidente
Ozéias Junior estava com o pai no dia do acidente
Gival Diniz era amigo de infância de Ozéias
Gival Diniz era amigo de infância de Ozéias
Sampaio lembra de Ozéias como um homem tranquilo
Sampaio lembra de Ozéias como um homem tranquilo

Marilena destaca que desde menino Ozéias aprendeu a trabalhar com carpintaria e marcenaria para auxiliar no sustento da família e nas horas de folga aproveitava para estudar. “Ele sempre foi uma pessoa simples e até tímida, mas isso não o impediu de ser batalhador, nem de obter grandes conquistas em sua vida profissional e pessoal”, conta Josenil Chaves, esposo de Marilena.


Ozéias fez faculdade de letras em Sena Madureira, onde foi professor por dois anos. Em 2000, foi aprovado no concurso para soldado da PM, ficando na corporação por dois anos, de onde só saiu quando venceu um concurso para fiscal da Fazenda Estadual, função que exerceu até sua morte.


Casado com Joselene Moreira, com quem teve três filhos (Ozéias Junior, 14 , Adriel, 6, e Larissa, 2), Ozéias dedicava maior parte do seu tempo vago aos passeios e brincadeiras em família. “Temos certeza de que mesmo com sua ausência física ele continuará tendo participação na criação dos filhos que tanto amava”, diz a irmã.


 


A família enviou à Agência ContilNet uma emocionante carta de despedida ao seu ente querido. Veja:


Ozéias Moreira era um homem jovem e querido em Sena Madureira
Ozéias Moreira era um homem jovem e querido em Sena Madureira

AO OZÉIAS QUE CONHECEMOS

                        “Uma homenagem daqueles que amaram e vão amar pra sempre o grande homem OZÉIAS MOREIRA DA COSTA”

Naquela triste tarde de domingo, 27/03/2011, pode ter acabado a jornada de um homem aqui na Terra, mas jamais se apagará de nossa memória a imagem do filho amoroso, irmão amável e atencioso, esposo e pai dedicado, que foi o homem exemplar chamado Ozéias Moreira da Costa. Porque essa imagem não surgiu assim repentinamente; ela foi construída ao longo dos 36 anos que Deus nos presenteou com sua vida em nosso meio.


Ozéias nasceu no dia 16 de dezembro de 1974, no interior de Feijó;  era filho de dona Maria Moreira da Costa e Cícero Andrade da Costa (in memoriam); o mais novo do homens dentre 9 irmãos (Francisca, Raimunda, Manoel, Maria, Abdias, Davy, Maristela, Ozéias e Marilena). Seus pais, pensando em melhorias para a família, resolveram sair de um seringal em Feijó, por volta de 1979, para ir para Sena Madureira, onde os filhos poderiam estudar e ter uma esperança de melhores condições de vida.  Essa família humilde nunca foi de renome na sociedade, mas os 9 filhos de dona Maria conseguiram êxito em suas vidas e tornaram-se pessoas respeitadas e amadas no meio social. E a vida de Ozéias foi um exemplo desse sucesso. Ele sempre foi uma pessoa simples e até tímida, mas isso não o impediu de ser batalhador, nem de obter grandes conquistas em sua vida profissional e pessoal. Desde menino, aprendeu a trabalhar com carpintaria e marcenaria para auxiliar no sustento da família e sempre foi muito estudioso. Ele e sua irmã caçula (Marilena) foram os primeiros da família a concluir o ensino superior. Fez faculdade de Letras em Sena Madureira, onde foi professor por 2 anos;  em 2000, foi aprovado no concurso para soldado da PM, ficando na corporação por 2 anos, até ser aprovado no concurso para fiscal da Fazenda Estadual, função que exerceu até sua partida para a eternidade.


Ozéias teve também o privilégio de constituir sua própria família. Sua esposa Joselene e filhos: Ozéias Júnior, 14 anos; Adriel, 6 anos, e a pequena Larissa, 2 anos,  são as pessoas a quem ele dedicava maior parte de seu tempo e todo o seu amor. Por isso temos a certeza de que, mesmo com sua ausência física, ele continuará tendo participação na criação dos filhos.


Querido Ozéias, nos faltam as palavras, neste momento, para expressar tamanha emoção que toma nossos corações! Tudo ainda está tão recente, mas a certeza de que jamais sentiremos sua presença física, seu abraço, seu afago, seu calor, faz-nos sentir uma saudade indescritível... Sabemos que só Deus poderá aliviar essa dor. Sua Palavra nos ensina que devemos dar graças em tudo. É difícil encontrar motivos para agradecer, neste momento, porém foi o próprio Deus que nos deu esse motivo, no momento em que nos permitiu conviver com uma pessoa tão especial como VOCÊ, QUERIDO OZÉIAS...


Saudades eternas,


De sua família.


A mãe de Ozéias com a filha Marilena Chaves
A mãe de Ozéias com a filha Marilena Chaves

Funcionários da Secretaria da Fazenda foram à Sena dar o último adeus ao colega de trabalho
Funcionários da Secretaria da Fazenda foram à Sena dar o último adeus ao colega de trabalho
Giselda Monteiro cantou louvores com os músicos da Igreja Católica
Giselda Monteiro cantou louvores com os músicos da Igreja Católica

Comemorando aniversário da mãe, Maria Moreira
Comemorando aniversário da mãe, Maria Moreira
A família reunida durante promoção de Marilena Chaves à função de tenente da Polícia  Militar
A família reunida durante promoção de Marilena Chaves à função de tenente da Polícia Militar
Momentos felizes com membros da família
Momentos felizes com membros da família
Centenas de pessoas acompanharam o cortejo do funcionário público
Centenas de pessoas acompanharam o cortejo do funcionário público

Com o irmão Manoel e o sobrinho Ramalho
Com o irmão Manoel e o sobrinho Ramalho

Agência de Notícias ContilNet LTDA


Contatos:

noticias@contilnet.com.br

(68) 9939-5033   |    (68) 9952-1448  |   (68) 8403-4080   |   (68) 8402-8670

Rua Rio Grande do Sul, 146 - Centro - Rio Branco - AC

Permitida a reprodução com citação da fonte.
Os conteúdos assinados são de responsabilidade de seus respectivos autores.
As pessoas citadas nos conteúdos têm direito de resposta garantida.

© 2009-2014 ContilNet Notícias - Todos os direitos reservados.